Pular para o conteúdo
Início » Notícias » Conheça o número ideal de cervejas para beber por dia

Conheça o número ideal de cervejas para beber por dia

Beber uma cerveja em um bar é um costume tão antigo em nossa sociedade que a simples imagem de uma pessoa pegando uma cerveja é muito natural. No entanto, uma bebida alcoólica precisa ter incentivo para que o consumo seja feito com moderação, nesse momento vem a pergunta: Qual é o limite do consumo moderado e responsável?

Servindo cerveja

A quantidade ideal para consumo

Um grupo de pesquisadores do Centro Superior de Investigaciones Científicas liderado por Ascensión Marcos, diretor do Inmunonutrición del Departamento de Metabolismo y Nutrición del Instituto de Ciencia y Tecnología de Alimentos y Nutrición (ICTAN) calculou qual é a quantidade de cerveja ideal de um consumo responsável da bebida mais consumida do mundo, sem trazer riscos à saúde e trazer apenas benefícios para o corpo de médio a longo prazo.

De acordo com a pesquisa, publicada na revista Nutrients, o consumo adequado de cerveja deve ser de aproximadamente 700ml por dia para homens chegando a aproximadamente 28g de álcool por dia, para as mulheres o recomendável é cerca de 400ml, cerca de 16g de álcool por dia.

Atenção: o cálculo é baseado em cervejas com até 5% de teor alcoólico.

A quantidade indicada tem algumas considerações, como: a quantidade de cerveja indicada para o consumo diário não é cumulativo, ou seja, se você não beber em algum dia, no dia seguinte você não pode pensar que irá beber para compensar o dia anterior. Outro fator importante é que essa recomendação de consumo não é aplicado para grupos como crianças, adolescentes, mulheres grávidas ou lactantes, bem como adultos em algum tratamento médico.

Os possíveis benefícios do consumo moderado de cerveja

Ao respeitar o consumo moderado e responsável de álcool, a pesquisa relata que diferentes benefícios podem ser alcançados, como uma redução no risco de doenças cardiovasculares.

Outro fator que a pesquisa aponta é a redução no risco de diabetes e fraturas ósseas, aumentando a densidade da massa óssea.

A dieta alimentar contribui para o consumo do álcool

Brinde com cervejas

A pesquisa dos membros do CSIC não deixa de lado as condições sociais das populações, indicando que “os benefícios à saúde associados ao álcool podem ser modulados pelas características intrínsecas das populações, incluindo seu nível socioeconômico e/ou dieta e estilo de vida em geral”.

A pesquisa foi realizada na Europa e levou em consideração o modo de vida dos países do Mediterrâneo, os fatores que colaboram com o consumo de álcool moderadamente estão ligados à dieta local. O consumo moderado de álcool (através da cerveja) em um contexto de “alto consumo de alimentos frescos, baixo consumo de gorduras animais e baixo a moderado consumo de vinho, geralmente com refeições” podem ser benéficas.

Deixe um comentário