Pular para o conteúdo
Início » Notícias » Historical Beer: Gose

Historical Beer: Gose

Acredito que todos aqui amam cerveja, seja ela amarga, ácida, doce, torrada, dentre outras características que uma cerveja possa ter. Mas e se eu falasse que existe uma cerveja salgada? Sim, uma cerveja com adição de sal e coentro para ser mais específico, uma cerveja com um perfil bem único e fermentada com lactobacillus.

Porém sua produção original se dava pelo fato de que a água local que era utilizada para fazer a cerveja, era rica em sais minerais devido a depósitos subterrâneos, onde a água absorvia um pouco desses sais. A cerveja também era fermentada naturalmente.

Essa é a Gose, uma cerveja nascida na Alemanha no início do século XVIII, na cidade de Goslar perto do rio Gose. Não se sabe se o nome vem da cidade ou do rio, mas foi em Leipzig onde a cerveja se popularizou devido aos mais de 80 gosenschenkes (tabernas de Gose).

Gosen-Schänke

“Gosen-Schänke” em Leipzig-Eutritzsch, fundada em 1738.

O estilo praticamente desapareceu devido às duas guerras mundiais; ela possuía uma pequena fabricação em 1949 nas mãos de Friedrich Wurzler e em 1966 a produção de Gose parou e só retornou sua produção em 1989 pelos locais de Leipzig.

Mas, foi em 1995 que os cervejeiros Tilo Jänichen e Andreas Schneider que transformaram a estação de trem Bayerischer Bahnhof de Leipzig na cervejaria Bayerischer Bahnhof, dando assim, renascimento a Gose.

O estilo atualmente vem ganhando espaço nas cervejarias; aqui mesmo no Brasil, ela é produzida por alguma cervejarias, como:

  • Lohn Bier – Gose Salicórnia
  • Cervejaria Itajahy – Itajahy Maré Gose
  • Blend Bryggeri – ÜME Gose Umeboshi

E então, gostou de ficar sabendo um pouco mais sobre um estilo histórico? Fique ligado aqui no Cerveja em Foco para a próxima Historical Beer!

Texto do Sommelier Amaury Jr.

Deixe um comentário