Pular para o conteúdo
Início » Notícias » Ambev leva Spaten para a Oktoberfest em Blumenau

Ambev leva Spaten para a Oktoberfest em Blumenau

Nesta semana, a Ambev foi anunciada como a cervejaria oficial da 37ª Edição da Oktoberfest Blumenau e já comunicou que a Spaten é a marca escolhida para representar a companhia.

Antes o posto era da Eisenbahn, uma cervejaria da região e que hoje pertence à Heineken.

No site da prefeitura de Blumenau é possível ter mais detalhes da licitação:

 “A Ambev foi a única empresa a entregar a documentação e proposta por meio de pregão eletrônico.  Após análises documentais, ela foi declarada como vencedora e passa a ser a cervejaria oficial da 37ª edição da maior festa alemã das Américas.

A cervejaria apresentou uma proposta de R$ 2.551.000,00 milhões, ante ao valor mínimo de R$ 2,55 milhões. Esse montante porém, representa um incremento de 38% do valor pago pela cervejaria oficial da última edição em 2019, fazendo deste o maior contrato de cervejaria da história da Oktoberfest Blumenau. O investimento da empresa, incluindo as obrigações do edital referentes à cenografia do evento deverão superar R$ 6 milhões.”

Leia o texto na íntegra aqui

Cerveja Spaten

O anúncio da marca Spaten se deu pelo instagram da festa e trouxe algumas posições contrárias em meio as comemorações:

“Não entendo o pq da comemoração…teríamos muito mais a comemorar se o município fizesse força para viabilizar a participação prioritárias das cervejarias locais. Festa no vale da cerveja com cervejaria global faz nada de sentido…”

Outro comentário que me chamou atenção foi:

“Certamente a festa deveria ter como carro chefe uma cerveja de Blumenau. Que capital da cerveja é essa que não tem como cartão de visita uma cerveja regional. Espero que considerem isso para os próximos anos”.

Para ver a publicação, clique aqui.

Spaten Banderola

Logo se vê que mesmo a Spaten sendo uma marca nova no Brasil e já muito bem vista pelos consumidores divide opiniões. Que acredito que qualquer outra marca que não fosse da região provocaria.

Outro ponto que me impressionou é como as pessoas estão compartilhando ou comentando que agora não será cerveja de verdade, que vão servir suco de milho na Oktoberfest.

Nesta situação, de que é preciso um aporte milionário para patrocinar o evento e estar presente em todos os ambientes, não há muita alternativa para cervejarias menores. Lembrando que as cervejarias artesanais da região ainda estarão presente na festa.

Uma coisa eu tenho que concordar, a escolha da Spaten como a marca para representar essa festa foi muito assertiva. A Ambev tem inúmeras marcas em seu portfólio que poderia trazer e a Spaten é recente no Brasil, mesmo sendo uma cervejaria alemã cheia de história, o brasileiro está conhecendo e simpatizando com ela agora.

Mas por que penso que é assertiva? O posicionamento da Spaten é de tradição, vem de Munique, Alemanha, traz o conceito de puro malte (que hoje é visado pelo consumidor) e ainda tem um custo benefício razoável . Esses elementos pareiam com as premissas da festa em Blumenau, tradição alemã, grandes canecas de chope e apreciadores da bebida que se reúnem para celebrar e beber.

Se a Ambev selecionasse outra marca, ou uma marca mainstream, com certeza a dureza das críticas seria maior e muitos iriam torcer o nariz para a festa. Entretanto, foi escolhida uma marca que você também encontra na Oktoberfest da Alemanha e faz sentido com a Oktoberfest.

Acredito que as cervejarias locais merecem sim mais espaço, oportunidade e visibilidade, isso ajuda a consolidar a festa como um movimento que apoia a cerveja e valoriza a moeda da casa. Entretanto, quem tem o aporte e força para grandes ações de patrocínio é quem tem vantagem.

Talvez poderia ser interessante trazer ações específicas para as pequenas cervejarias da região, pois é um período de alta de turismo na cidade e movimentar a economia local faz parte da premissa da festa.

E você, o que achou da escolha da Spaten para representar a festa alemã no Brasil?

Deixe um comentário