Cerveja em Foco

Cerveja em Foco Logo Alternativo - Transparente

Moderagro impulsiona a cultura do lúpulo com linha de crédito do BNDES

A cultura do lúpulo no Brasil está recebendo um impulso significativo através do Programa de Modernização da Agricultura e Conservação dos Recursos Naturais (Moderagro). Essa iniciativa é uma linha de crédito oferecida pelo BNDES, que visa fomentar o desenvolvimento agrícola e apoiar a sustentabilidade ambiental.

Uma das inclusões recentes no programa foi a cultura do lúpulo, atendendo a uma demanda da Associação Brasileira dos Produtores de Lúpulo (Aprolúpulo). Essa inclusão é considerada um passo fundamental para a expansão do lúpulo em todo o país, uma vez que o acesso a crédito tem sido um desafio para essa cultura inovadora.

Por meio do Moderagro, produtores e empresas rurais ligados à cultura do lúpulo agora têm a oportunidade de financiar investimentos de até R$ 880 mil. Já para cooperativas, esse valor pode chegar a R$ 2,64 milhões. Essa linha de crédito facilita o acesso a recursos financeiros, permitindo que os produtores invistam em tecnologias, infraestrutura e expansão de suas operações.

A inclusão do lúpulo no Moderagro recebeu apoio unânime dos membros da Câmara Setorial da Cadeia Produtiva da Cerveja do MAPA. Esse respaldo foi fundamental para que a solicitação da Aprolúpulo fosse encaminhada à SPA e, posteriormente, aprovada pelo Conselho Monetário Nacional (CMN).

Para o presidente da Aprolúpulo, Herman Wigman, a inclusão no Moderagro abre perspectivas para ampliação das áreas de produção já em operação e para a entrada de novos produtores. Ele ressalta que o lúpulo tem o potencial de causar um grande impacto na cadeia cervejeira brasileira nos próximos anos.

O endosso da Câmara Setorial foi enviado à Secretaria de Política Agrícola (SPA) do Ministério, que prontamente deu encaminhamento à solicitação. Nesta quinta-feira (29), o Conselho Monetário Nacional (CMN) aprovou o pleito e publicou resolução confirmando a inclusão do lúpulo no Moderagro.

Lúpulo Nacional

Produção acelarada

Atualmente, o Brasil depende em grande parte das importações de lúpulo, com cerca de 99,6% do insumo utilizado pelas cervejarias sendo importado, movimentando aproximadamente R$ 339 milhões em 2022. Além disso, o cenário está prestes a mudar com o crescimento acelerado da cultura do lúpulo no país.

De acordo com projeções da Aprolúpulo, a área de produção de lúpulo deve dobrar em 2023, atingindo 48 hectares e oferecendo 29 toneladas do insumo ao mercado nacional. Já que a expectativa é que em 2024, o Brasil se torne o maior produtor de lúpulo da América Latina.

A aceitação do lúpulo nacional no mercado tem crescido significativamente. Mais de 110 cervejarias de 11 estados brasileiros já utilizaram o lúpulo nacional em suas produções. Os cervejeiros apontam o frescor como um dos principais diferenciais do lúpulo nacional em comparação aos importados, já que uma grande parte do volume importado corresponde a safras passadas.

Além do frescor, o lúpulo nacional tem alcançado uma qualidade similar à dos principais países produtores, como Estados Unidos e Alemanha. Esse diferencial competitivo tem despertado o interesse dos cervejeiros em utilizar o insumo nacional, além disso, valorizando a produção local e fortalecendo a cadeia cervejeira do país.

Além disso, outro aspecto vantajoso é a produtividade crescente da cultura do lúpulo no Brasil. Com avanços tecnológicos e suplementação luminosa, produtores realizam até três safras anuais, ampliando a oferta e diversidade do lúpulo nacional.

A importância da Moderagro

Com a inclusão do lúpulo no Moderagro e o apoio governamental, a perspectiva para a cultura do lúpulo no Brasil é promissora. Além disso, o investimento em infraestrutura, tecnologia e expansão das áreas de produção contribuirá para a consolidação do país como um importante produtor de lúpulo na América Latina, reduzindo a dependência das importações e fortalecendo a autonomia da indústria cervejeira nacional.

O Moderagro surge como um aliado importante para impulsionar o setor agrícola e a conservação dos recursos naturais. Além disso, promove a modernização e a sustentabilidade na agricultura brasileira.A inclusão do lúpulo na linha de crédito evidencia o reconhecimento de seu potencial e o compromisso em fortalecer a cadeia produtiva da cerveja.

Com espaço no mercado nacional, o lúpulo brasileiro se consolida como ingrediente de qualidade e matéria-prima essencial para a produção de cervejas de excelência. Produtores, associações e apoio governamental impulsionam a indústria cervejeira no Brasil, tornando-o referência na produção de lúpulo na América Latina.

Sobre a Aprolúpulo

Fundada em 2018, a Aprolúpulo desempenha um papel fundamental no fortalecimento e desenvolvimento da cultura do lúpulo no Brasil. A associação reúne produtores de lúpulo, consultorias agronômicas, empresas de maquinário especializado e cervejarias, entre outros empreendedores do setor. A união desses atores impulsiona a troca de conhecimento, a busca por melhores práticas e o fomento ao mercado nacional de lúpulo.

Deixe um comentário