Pular para o conteúdo
Início » Notícias » VII Concurso Sul-Brasileiro de Cervejas Caseiras

VII Concurso Sul-Brasileiro de Cervejas Caseiras

Parece que os concursos estão voltando ao normal depois de um hiato de 2 anos praticamente.
É o primeiro concurso grande depois da pandemia envolvendo 4 acervas .

Assim foi a sensação de euforia que tomou conta de nós que participamos do VII Concurso Sul-Brasileiro de Cervejas Caseiras que reuniu as Acervas do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná e Mato Grosso do Sul com apoio da Acerva Brasil.

A organização e comando desse ano ficou por conta da Acerva Paranaense que realizaou o concurso em Curitiba nos dia 21 a 23 de abril.

Foram cerca de 290 amostras inscritas. Sendo avaliado por 34 Juízes de diversos lugares do Brasil, formando 3 juízes em cada mesa e todo o julgamento foi feito com base no BJCP 2021.
E o resultado foram 30 medalhas distribuídas dentro de 10 categorias.

Categorias de Cerveja, como funciona

Como o guia apresenta mais de 130 amostras, e nem todos tem amostras inscritas, se avalia de acordo com o número de amostras inscritas e depois por similaridades. Então para ter uma julgamento mais justo elas são agrupadas por similaridades em características de estilos, como por exemplo “cervejas leves e claras”, “ácidas e selvagens”, “ales claras” , “ervas, frutas e especiarias”, etc.

Claro, que alguns estilos, devido ao número muito grande de amostras criam uma própria mesa de julgamento, como por exemplos estilos como American India Pale Ale, que recebe sempre um número grande de amostras em qualquer concurso.

Sendo Juiz

Mesa do segundo dia de julgamento

Tive o privilégio de fazer parte do grupo de juízes. É uma responsabilidade imensa, pois em nossas mãos estão muitas cervejas que cervejeiros tiveram um cuidado para fazer o seu melhor, e nós temos uma responsabilidade de ajudá-los a seguir nesse caminho. Por isso agradecer por enviar as amostras era muito importante.

Mas fundamentalmente, compartilhar conhecimento, crescer, perceber nuances que você não percebia e que com um juiz mais experimentado você consegue perceber, avaliar e melhorar no trabalho. É uma troca constante de ideias, e a cada momento surge uma oportunidade de aprendizado. Por isso, estar bem concentrado, disposto ajudam a melhor a apreender tudo que passa por você.

Contamos também com um grupo de staff sedentos por conhecer mais. Muitos no seu primeiro concurso, sem ao menos saber como funcionava.

Cada mesa tinha um staff a disposição, e isso só ajudou a nós na mesa a ter uma integração maior com quem nos servia como também aprender mais sobre eles e eles aprendendo mais sobre nós.
Muito válido trocarmos ideias com quem está começando. Lembrei dos meu primeiros concursos como staff, e como isso me enriqueceu, e continua a me enriquecer como pessoa no meio cervejeiro. E ainda tinha a galera mais experiente, pronta para trocar suas experiências conosco que estamos no caminho, dando alguns passos. Tudo é um aprendizado nesse meio. E isso é o que mais vale a pena.

Prêmios

BOS-Sul-Brasileiro-de-Cerveja-
BOS

Como dito antes houve 30 premiações entre as amostras enviadas agrupadas em categorias distintas.
Os três maiores vencedores, mas melhores cervejas do concurso costumamos chamar de Best of Show. E o primeiro, segundo e terceiro lugar foram:

NO BRETT NO BEER
MESA DE MINI-BOS

28B – Mixed-Fermentation Sour Beer

Bruno Ricardo Boettcher, Joinville, Santa Catarina, Brasil

SCHWARZ

8B – Schwarzbier

Nikson Locks, Foz do Iguaçu, Paraná, Brasil

GONNE’S GOIABÉRA #WETHENORTHCWB

29A – Fruit Beer (Estilo base: American Wheat Beer)

Tiago Mendes Gonçalves, Curitiba, Paraná, Brasil

Tá curioso para saber mais sobre as cervejas premiadas?
Dá uma olhada nesses links abaixo para saber mais:
Resultado 1 VII Concurso Sul-Brasileiro de Cervejas Caseiras
Resultado 2 VII Concurso Sul-Brasileiro de Cervejas Caseiras
Resultado 3 VII Concurso Sul-Brasileiro de Cervejas Caseiras


Deixe um comentário